sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Mensagem

Não vou dizer coisas do tipo "2013 foi uma droga! Que venha 2014!" ou "Ano novo, vida nova!" porque é insano generalizar uma coisa como essa: a vida de cada pessoa é tão imensamente diferente da outra, o que é um inferno para um é um paraíso para outra...

Pra mim, não foi ruim nem bom, não foi estacionário nem progressista, foi na verdade um ano de esclarecimento. Externamente, nada mudou, mas internamente foi uma verdadeira reciclagem completa: ideias, propósitos, sonhos, desejos, visão do mundo e das pessoas... 2014 soa pra mim como uma "nova escola da vida". É intimidador, mas as metas são tão empolgantes...

Nenhum comentário:

Postar um comentário